–> Maioridade penal para quem?

Eu bem que tento dar um tempo, mas ultimamente tá difícil… Tem certas coisas que não dá para deixar de lado. Como posso ignorar o compartilhamento de uma imagem como essa?

601963_634509299896778_756261950_n

Que tolinhos somos nós, que somos contra a redução da maioridade penal, não é mesmo? Se na Escócia, França, Canadá, Itália, Rússia, Grécia, Alemanha, Inglaterra e Coreia do Sul não existe maioridade penal, ou melhor, ela chega a oito anos, fica muito claro que essa discussão no Brasil é inflamada por aquele bando de vagabundo que não entende que direitos humanos são para humanos direitos, ou melhor, que direitos da criança e do adolescente são para crianças e adolescentes direitos.

Entedamos aqui por “criança e adolescente direito” aquele filhinho do papai, muitas vezes ausente, de preferência de rosto angelical (branquinho, loirinho e de olhos claros) que comete travessuras e, portanto, não deve ser punido. Já o marginal em potencial, de preferência negro e de cabelo ruim, que comete crimes atrozes, é melhor que se trancafie numa cadeia – que, como todos sabem, é o lugar mais eficaz para resolver nossos problemas sociais (na base da bala, é claro).

Maioridade Penal para quem?

Maioridade Penal para quem?

Como bem disse Leonardo Sakamoto (1), para os jovens direitos (“bonitos” e filhos das classes mais favorecidas) a gente passa a mão na cabeça –  ou confia na punição social, como sugeriu a gênia da Maristela Basso no caso Thor Batista. Para os marginais em formação, desce o cacete, passa a bala e enfia num cárcere. De preferência com o cuidado para que de lá nunca mais saiam, de modo que não precisemos lidar com o problema que, não contentes em criar, fazemos questão de reiterar e reproduzir.

Eu poderia discorrer por horas acerca da necessidade de se levar em conta o contexto histórico, social, econômico, político e cultural na hora de se fazer comparações. Na verdade, talvez eu devesse fazê-lo, porque o que tem de argumentação/comparação/argumento esdrúxulo pululando por aí não é coisa pouca não. O Facebook é o reino da groselha! Mas deixo apenas a questão: qual a validade de se comparar Brasil a esses países? Ou pior, como alguém em sã consciência pretende comparar Brasil a Luxemburgo? LUXEMBURGO, minha gente! Aquele principado que deve ser menor que meu bairro!

Direitos da criança no Brasil

——————–

(1) Jovem rico erra. “Menor” pobre comete crime. Ler também Maioridade penal aos seis. Afinal, nessa idade, eles já se vestem sozinhos.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para –> Maioridade penal para quem?

  1. Diogo Gomes disse:

    No Brasil tudo é assim minha cara. O picadeiro esta montado, traga a sua pipoca… e venha conferir o show de horrores e manipulação do consciente coletivo.

  2. Carlos Luau disse:

    Já deu pra perceber o nível dos seus argumentos pra ser contra a redução da maioridade.

    Depois ainda acham ruim quando consideram esquerdismo como doença.

  3. Wander disse:

    Diminuição da maioridade penal? Seria uma ótima ideia, desde que se aplicasse a todos e que os presidios não estivessem superlotados. Não adianta diminuir a maioridade penal se não há lugar nem para os bandidos maiores. De forma alguma defendo a ideia que um traficante, um assassino ou coisa neste nível não seja culpado pelo mal que fazem, pois o SÃO! E pensar de forma diferente é o mesmo que dizer que todas as crianças e adolescentes em condições de pobreza sejam bandidos por natureza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s